UOL Debate discute primeiro ano após a morte de George Floyd

Fonte: Portal UOL: https://economia.uol.com.br/noticias/redacao/2021/05/25/um-ano-apos-a-morte-de-george-floyd-o-que-mudou-o-uol-debate.htm

A morte do norte-americano George Floyd há um ano fortaleceu o debate mundial sobre racismo e o impacto da violência policial contra a população negra no mundo em diversos setores, dos negócios à educação. É essa repercussão que o UOL Debate se propõe a discutir ao vivo nesta terça-feira (25), às 17 horas, pela home do UOL e pelos canais do UOL no Youtube, Facebook e Twitter.

O apresentador Diego Sarza receberá para esta conversa José Vicente, reitor da Universidade Zumbi dos Palmares; Luiza Helena, presidente do conselho administrativo do Magazine Luiza; E João Batista Rodrigues Freitas, pai do João Alberto, morto por seguranças no Carrefour.

George Floyd, um homem negro norte-americano, morreu há um ano após ter seu pescoço pressionado por mais de nove 9 minutos por policiais em Minneapolis, norte dos Estados Unidos.

A violência contra Floyd não é um caso isolado e faz parte da crítica de movimentos como o Black Lives Matter, que cobram uma política institucional nos Estados Unidos contra a violência racial. Em abril deste ano, o ex-policial Derek Chauvin foi condenado pela morte de George Floyd em três casos: assassinato não intencional em segundo grau, assassinato em terceiro grau e homicídio culposo. A decisão do júri popular que analisou o caso foi unânime.

No Brasil, quase 6 meses após a morte de George Floyd, João Alberto morreu sufocado por seguranças do supermercado Carrefour em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.