Morte de João Alberto no Carrefour norteia guia de segurança privada

Fonte: revista Veja coluna Radar: https://veja.abril.com.br/blog/radar/caso-de-racismo-e-morte-no-carrefour-norteia-guia-sobre-seguranca-privada/

Morte de João Alberto no Carrefour norteia guia de segurança privada
Assassinato de Beto Freitas em unidade do supermercado em Porto Alegre foi base para obra com boas práticas em proteção patrimonial

Depois de virar objeto de pesquisa na área de segurança privada, o caso de João Alberto Silveira Freitas, homem negro morto em uma unidade do Carrefour em Porto Alegre, deu origem a um livro que será lançado nesta terça, 29. O episódio ganhou repercussão nacional depois de imagens mostrarem que, após discussão, Beto, como era conhecido, foi morto por asfixia por seguranças de uma empresa terceirizada do supermercado.

Com base no acontecimento, a professora Susana Durão, da Unicamp, lançou a pesquisa ‘Segurança sem Preconceito’, que será apresentada pelo reitor da Universidade Zumbi dos Palmares e líder do Movimento AR, José Vicente, e Jefferson Nazário, presidente da Fenavist (federação de empresas de segurança).

A partir do estudo, a equipe elaborou o livro ‘Caso Carrefour, Segurança Privada e Racismo: Lições e Aprendizados’, que, segundo os autores, é um guia de boas práticas em segurança patrimonial. A obra inclui, ainda, um curso para gestores de segurança privada.

O movimento é liderado pela Universidade Zumbi dos Palmares e pela ONG Afrobrás.