Apple lança programa de empreendedorismo para fundadores e desenvolvedores negros

Fonte: Portal Tudo Celular: https://www.tudocelular.com/mercado/noticias/n170658/apple-programa-incentivo-desenvolvedores-negros.html

A Apple anunciou nesta terça-feira (16) a inauguração de seu programa Entrepreneur Camp for Black Founders and Developers, que é um programa de incentivo para desenvolvedores e fundadores negros, que irá auxiliar os líderes e suas respectivas equipes de 13 empresas de aplicativos.

De acordo com a divulgação, o Apple Entrepreneur Camp for Black Founders and Developers tem como objetivo disponibilizar aos criadores de aplicativos a oportunidade de melhorar suas soluções já existentes por meio de laboratórios de tecnologia prática, orientação de nível de código um-a-um de especialistas e engenheiros da Apple e mentoria dos principais líderes da gigante de Cupertino.

Lisa Jackson, vice-presidente de Meio Ambiente, Política e Iniciativas Sociais da Apple, que inclui os programas de Equidade Racial e Justiça, destacou o trabalho dos desenvolvedores nas plataformas da Maçã: “Esses incríveis criadores de aplicativos e líderes empresariais incorporam o espírito empreendedor que corre tão fundo na comunidade negra. Seu trabalho já demonstra o poder da codificação para construir um mundo melhor, e estamos honrados em apoiá-los à medida que eles queimam uma trilha que sabemos que muitos mais seguirão.”

Além do apoio, a empresa de Tim Cook anunciou uma parceria com a Harlem Capital, empresa de Capital de Risco com cede em Nova York. Com a união, a companhia nova-iorquina deverá oferecer orientação e mentoria aos participantes do Entrepreneur Camp for Black Founders and Developers. Essa parceria também faz parte da Iniciativa de US$ 100 milhões para Equidade e Justiça Racial da Apple, que foca no avanço da equidade racial na educação, na economia e no sistema de justiça criminal.

Vale lembrar que essa não é a primeira ação da Apple voltada para promover o apoio à comunidade negra nos Estados Unidos. No ano passado, a empresa anunciou a expansão de seu apoio às HBCUs (sigla para Faculdades e Universidades Historicamente Negras).